novembro 07, 2010

Misterioso "Ser"



Cubra-me a plenitude do vento
o furor do fogo, o jogo do tempo
a luz do dia, as estrelas o Sol
a aurora a dizer, bom dia!

O amor maior de todos que me cerca
o desvendar dos mistérios da natureza
a sutileza da flor, do orvalho
a beleza dos sons dos pássaros

A Lua majestosa, o entardecer
o perfume de uma rosa, sem perder
a simplicidade que mora no meu peito
o direito de ser livre,

de ser Cigana ,Caminhante da estrada!

aut. Surya Zen